Frango do campo com esparguete

Claro que noutros tempos, como não havia frangos de aviário, tínhamos de ir até à praça onde eram eles vendidos vivos, depois mortos e depenados na hora. Quando chegávamos a casa, primeiro eram cozidos com as miudezas para ficarem macios e depois fazia-se canja com arroz.

A gordura do frango era tanta que a canja ficava amarela e eu só a conseguia comer deitando-lhe sumo de limão. Depois, com uma colher, retirava-lhe a gordura e só depois é que comia! Outros tempos.

Agora os frangos de aviário são tão macios que basta guisá-los!

Ingredientes

  • Frango – 1 grande, cortado em pedaços
  • Esparguete – 1 pacote
  • Cebola – 1 grande, picada
  • Tomate – 400 g, pelado
  • Louro – 6 folhas
  • Cerveja – 1 lata
  • Piripíri – 1, picado
  • Alho – 4 dentes, picados
  • Água – a ferver
  • Azeite – a cobrir o fundo
  • Sal grosso

Num tacho, faça um refogado ligeiro com a cebola, o azeite e o louro.
Quando a cebola estiver transparente, deite os alhos e o tomate.
Deixa apurar e depois ponha o frango com a cerveja, tape e vá acrescentando água a ferver quando necessário.

Assim que o frango estiver tenro, junte o esparguete e cubra com água a ferver.
Coza a massa, deixando-a ficar um pouco rija e com bastante caldo para que o esparguete fique bem solto e molhadinho na altura de ir para a mesa.

http://www.grafe-e-faca.com/

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo